7 passos

Segurança Alimentar

A 7 Passos disponibiliza para os seus clientes apoio à implementação dos Sistema de Gestão de Segurança Alimentar, baseado nos princípios do HACCP, análises laboratoriais e formação nos vários sectores.

A 7 Passos assume um compromisso com a qualidade, inspiradora para a sua atitude competitiva e orientada para a melhoria continua dos serviços prestados e para a satisfação das exigências, através de uma relação duradoura e bem sucedida com os seus clientes. Tem como objectivo assegurar aos seus clientes e mercado em geral, um sistema de gestão implementado e a funcionar de acordo com os requisitos e normas.

SISTEMA HACCP

O Sistema HACCP (Hazard Analysis and Critical Control Points) é um sistema preventivo de controlo da Segurança Alimentar. Este sistema foi desenvolvido nos anos 60 por uma empresa Americana, em colaboração com os laboratórios do exército dos Estados Unidos e a pedido da NASA, com o objectivo de produzir alimentos seguros para o programa espacial.

O Sistema HACCP identifica os perigos específicos e as medidas preventivas para o seu controlo em todas as etapas de produção.

ANÁLISES LABORATORIAIS

Os incidentes relacionados com a segurança alimentar demonstraram que o controlo inadequado ao longo da cadeia de produção pode prejudicar as organizações envolvidas e causar graves problemas na saúde pública. A 7 Passos garante aos seus clientes que as análises microbiológicas dos seus produtos são efectuadas em laboratório com acreditação pelo Instituto Português de Acreditação (IPAC).

FORMAÇÃO

A formação e sensibilização dos colaboradores é indispensável para o sucesso do sistema HACCP.
A formação em higiene e segurança alimentar deve ser ministrada a todos os colaboradores a um nível apropriado às operações que executam. A formação em HACCP deve ser orientada para a administração, equipa HACCP e pessoal responsável pela monitorização.

A formação dos responsáveis e manipuladores de alimentos no que respeita a comportamentos que melhoram a higiene e segurança alimentar é um item essencial para a satisfação dos requisitos legais, nomeadamente, os estipulados pelo Regulamento (CE) nº 852/2004 de 29 de Abril, configurado no ordenamento jurídico nacional através do Decreto-Lei nº 113/2006 de 12 de Junho.
Assim, todos os responsáveis e manipuladores de alimentos devem estar devidamente orientados e esclarecidos e dispor de formação em matéria de higiene e segurança alimentar adequada às funções que desempenham.